no

saque da 6ª parcela é liberado para mais grupo; veja as information

A Caixa anuncia nesta segunda-feira (11 de outubro) o saque da 6ª prestação para mais grupo de beneficiários de socorros de emergência.

Neste feriado, 11 de outubro, a Caixa volta a libertar o pagamento da 6ª prestação da ajuda de emergência. A concessão foi organizada desde o início de acordo com o mês de aniversário dos beneficiários. Assim, quem nasceu em junho já pode resgatar o valiance nesta segunda-feira em agências lotéricas e correspondentes bancários.

Vale ressaltar que o 6º ciclo de atendimento emergencial aos beneficiários do Bolsa Família já foi concluído. Para os participantes deste programa, são permitidos saques para depósitos feitos no mesmo período. Você receberá o serviço mais vantajoso no âmbito da ajuda de emergência e do próprio Bolsa Família.

Se tiver dúvidas ou problemas, pode obter mais informações ligando para a main telefónica da Caixa no 111 (horário de atendimento das 7h00 às 22h00). Também existe a possibilidade de consultas rápidas e pontuais no Site do banco e do Dados antes.

Pagamento da 6ª parcela do socorro emergencial: prazos

Nesta segunda-feira, stakes dos feriados, o pagamento é liberado para os beneficiários que nasceram no mês de junho. Os membros do Cadúnico, que desde o ano passado se encontram inscritos na ajuda de emergência, podem levantar dinheiro desta forma nas seguintes information:

  • Nasceu em janeiro: 04/10;
  • Nasceu em fevereiro: 05/10;
  • Nasceu em março: 05/10;
  • Nasceu em abril: 06/10;
  • Nasceu em maio: 10/08;
  • Nasceu em junho: 10/11;
  • Nasceu em julho: 13/10;
  • Nasceu em agosto: 14/10;
  • Nascido em setembro: 16 de outubro;
  • Nasceu em outubro: 18/10;
  • Nascido em novembro: 19 de outubro;
  • Nasceu em dezembro: 19 de outubro
  • Recomendado:  Privatização da Petrobras é sugerida pelo presidente da Câmara

    Vale ressaltar que os valores da 6ª parcela da ajuda de emergência permanecem inalterados. As transferências variam de acordo com a composição acquainted dos beneficiários. As mães que moram em casa recebem R $ 375 a prestação, enquanto as mães que moram sozinhas recebem R $ 150, nos demais casos a média de remuneração é de R $ 250.

    Escrito por Bonfim Notícias

    Brasil registra 182 mortes por Covid-19 em 24 horas

    Mirella recebe ataques depois de agressão em show