no

Quem terá direito às parcelas do Auxílio Brasil, novo Bolsa Família?

Nas últimas semanas, a agenda do Auxílio Brasil empurrou o Congresso Nacional para os bastidores e fez com que o governo buscasse a aprovação. Principalmente para iniciar a implementação em novembro, de acordo com a agenda do governo.

Na última quarta-feira (20), o presidente Jair Messias Bolsonaro (sem partido) já havia confirmado o pagamento por meio do novo programa que substituirá o atual Bolsa Família. O texto da Medida Provisória (MP) vai trazer alterações significativas ao programa e aumentar o número de beneficiários, ao mesmo pace que acarretará ajustamento da ordem de 20%.

O governo citou aumento do Imposto sobre Operações Financeiras (IOF) e uma reforma do imposto de renda para justificar o custo do programa. O mercado financeiro inicialmente não gostou das medidas, com reações do mercado de ações.

O valiance que as famílias em situação de extrema pobreza recebem é de R $ 400,00 disponibilizado pelo governo. Esta conta também inclui famílias em situação de pobreza. Para realizar isso, no entanto, eles devem atender a certos critérios, como ser menor de 21 anos ou grávida. O governo continua pretendendo aumentar o número de beneficiários de 14,7 milhões para 16,9 milhões.

Quem tem direito a ajuda do Brasil?

Os atuais beneficiários do Bolsa Família que atenderem aos critérios e constarem no Cadastro Uniforme do Governo Federal (CadÚnico) migram automaticamente para o Auxílio Brasil. O programa vai dividir dois grupos familiares, aqueles em extrema pobreza e pobreza.

Famílias em situação de extrema pobreza são aquelas com renda per head (per head ou pessoa) de R $ 89,00 e situação de pobreza com renda de R $ 178,00 por pessoa. Vale ressaltar que esses números podem ser alterados, conforme o governo já sinalizou.

O requisito mais importante é que os futuros beneficiários do Auxílio Brasil tenham seus cadastros atualizados pelo CadÚnico. Esse banco de dados offer como parâmetro para identificar famílias de baixa renda no país.

Escrito por Bonfim Notícias

Em Gênesis, Sheshi leva invertida ao cobrar Kamesha: ‘Nunca mais vou ser sua’

Butantan mostra a dinâmica da introdução do novo coronavírus no Brasil