no

Novela Gênesis: quantos anos José do Egito ficou preso

No romance Gênesis, José (Juliano Laham) foi acusado de tentativa de abuso por Neferíades (Dandara Albuquerque) e preso na prisão. O menino fica preso por algum tempo até que a felicidade caia em seu colo. Verifique quantos anos José do Egito ficou preso e como ele saiu da prisão.

Quantos anos José do Egito esteve na prisão?

O menino passou mais de 2 anos na prisão, mas não é possível dizer quanto tempo ele ficou na prisão no total. A Bíblia revela que José do Egito permaneceu na prisão por dois anos depois de interpretar o sonho do padeiro que morreu e do copeiro que voltou ao seu posto com o Faraó. No entanto, não há nenhuma passagem que diga quanto tempo José ficou na prisão desde que foi acusado pela esposa de Potifar até o dia em que conheceu o padeiro e o copeiro atrás das grades. Sabe-se que toda a carreira de José, desde a venda ao governador do Egito, durou 13 anos. As escrituras afirmam que o jovem tinha 17 anos quando foi traído por seus irmãos e completou 30 quando se apresentou ao Faraó para ajudá-lo a interpretar os sonhos que o atormentavam. De acordo com a Bíblia, José do Egito morreu aos 110 anos. Quando ele morreu, ele foi embalsamado e colocado em um caixão egípcio.
Cena da prisão

José foi espancado por Potiphar (Val Perré) e levado para a prisão – Foto: TV Record / Reprodução

como ele saiu da prisão

Durante os anos em que José do Egito foi preso, o filho de Jacó ganhou a confiança do guarda da prisão local até se tornar responsável pelo restante dos prisioneiros. Enquanto cumpria sua pena e cumpria seus deveres na prisão, José do Egito conheceu o padeiro e copeiro do Faraó do Egito. Eles foram presos e tiveram sonhos estranhos durante a detenção. Com o dom da interpretação, José ajudou os dois, informando que o padeiro morreria dentro de alguns dias e que o copeiro logo estaria de volta ao seu posto. As interpretações estavam corretas e José do Egito pediu ao mordomo que se lembrasse dele quando voltasse a trabalhar com o Faraó. Dois anos se passam enquanto José do Egito ainda está na prisão, antes que o Faraó seja atormentado por sonhos. O acontecimento faz com que o mordomo se lembre do que viveu com José e conta ao governante que o chama para o menino. A partir daí a vida de José do Egito muda, após anos de prisão ele se torna o assistente do Faraó, dizendo-lhe o que significam os sonhos. Ele consegue o governo, consegue uma esposa, uma casa e começa a trabalhar pela prosperidade do Egito, que passará por uma grande crise em alguns anos. Veja como foi a prisão do menino:

Recomendado:  Luíza fica grávida na novela Pega Pega? Relembre o que acontece

ficção

A Bíblia não revela a razão específica pela qual Faraó mandou o padeiro e o copeiro para a prisão, a única informação no livro do Gênesis é que ambos “ofenderam seu Senhor”. No entanto, no romance de Record, é possível que o personagem de Baker seja morto por ser o traidor do reino. Nos últimos capítulos, Atarum (Sacha Bali) foi promovido a padeiro-chefe por Adurrá (Ricardo Lyra). Se ninguém mais tiver essa posição, é provável que Joseph entre em contato com Atarum na prisão quando Sheshi descobrir a verdade – a Bíblia não menciona o nome Atarum, ele é um personagem fictício criado pela série Authors.

Personagem é responsável por mais de uma morte na novela – Foto: TV Record / Reprodução
Parentes – Asenate fica com quem no final?

Escrito por Bonfim Notícias

Nos Tempos do Imperador: Pilar leva tiro no lugar de Guebo e sangra sozinha no chão

A mortalidade é alta entre pessoas com problemas cardíacos.