no

Internautas se revoltam com comparação preconceituosa sobre o Fã Clube de Juliette do BBB

Mais uma polêmica envolvendo o nome da sis Juliette Freire movimentou as redes sociais, nesta terça-feira (13), dessa vez envolvendo o seu Fã Clube, o que teria sido alvo de uma piada e gerou revolta e o assunto “não aceito xenofobia”, ficou como dos comentados no Twitter.  

Tudo começou quando uma seguidora do Youtuber Leandro Santos (Mussum Alive) teria feito trocadilho com o Fã Clube da sis, chamando a torcida de Juliette de “kuzkuzklan”, o que se deu a entender que seria trocadilho com a palavra cuscuz e o nome de movimento racista dos Estados Unidos, o Youtuber respondeu a seguidora dizendo “sensacional”. 

Logo design o comentário e a resposta causaram revolta e muitas pessoas incluindo famosos, como o cantor Xand Avião e o deputado government, Túlio Gadelha, se propiciaram sobre o ocorrido e mostraram sua indignação.  

O Youtuber se pronunciou através das redes sociais e explicou que a resposta teria sido por conta do álbum “cuscuz clã” do cantor e compositor paraibano, Chico César, a seguidora que deu início a confusão também usou as redes sociais para se explicar e pedir desculpas. 

Mas os fãs da Juliette não foram os únicos a se posicionar e cobrar respeito, fãs do participante Caio também alegaram que o bro teria sido vítima de xenofobia após uma fala da atriz Monique Alfradique, que numa brincadeira de distribuir emojis no programa plantão BBB, deu ao participante o emoji de pamonha, pois segundo ela, ele já teria  “essa coisa do indoor”, a fala da atriz também gerou revolta e o assunto “Caio merece respeito “, também ficou como dos comentados do Twitter.

https://twitter.com/diaxx_manuu/status/1382009077346267137?s=20

A atriz nos tales explicou que não teve intenção de ofender e pediu desculpas. 

Escrito por Larissa Caxias

As 3 criaturas mais assustadoras dos folclore brasileiro

Salve O Ralph: marcas famosas que testam em animais.