no

Governo planeja benefício temporário para a concessão do vale gás nacional

O Congresso e membros do governo estudam a possibilidade de criar benefício temporário em relação ao auxílio emergencial temporário para o pagamento do chamado vale-gás.

A medida tem como foco a população de baixa renda com o objetivo de mitigar os efeitos da crise econômica e social provocada pela COVID-19, principalmente no que se refere ao aumento dos preços da energia e dos combustíveis.

Vale lembrar que, com o fim dos repasses emergenciais em outubro, o governo pretende iniciar a transição do Bolsa Família para o Auxílio Brasil. A proposta prevê que os dois programas coexistam por período determinado.

Assim, o novo programa social contemplaria reajuste no valiance das parcelas, que hoje gira em torno de R $ 190 mensais em média. Também existe a possibilidade de que os benefícios do Auxílio Brasil fiquem em torno de R $ 250, abaixo dos R $ 300 projetados.

Para o novo programa, a intenção dos formuladores da ação é separar uma política de prazo determinado (com information de término e público-alvo bem definidos) de gastos permanentes de forma bem definida.

Considerações

Segundo o Estadão, a proposta encontra-se ainda em análise porque os assistentes do Ministro da Economia se recusam a prorrogar a ajuda de emergência ou a criar uma nova prestação temporária, por representar uma despesa discussion forum do limite máximo da despesa.

Alguns acreditam que, com o avanço da vacinação e a redução do número de casos e óbitos no Brasil, haverá uma reabertura econômica que melhorará gradativamente o cenário econômico nacional.

No entanto, é viável para outros membros da equipe econômica proporcionar à população mais pobre benefício temporário dos efeitos do aumento dos preços, desde que os gastos estejam dentro do teto de gastos.

Escrito por Bonfim Notícias

Ministério da Saúde está enviando mais 2,6 milhões de dosages aos estados

Léo Dias confunde Karol Conká com Thelma em encontro com Juliette